Política

Só 'idiota' acredita em reaproximação entre Dilma e Temer, diz Ciro

CIRO GOMESSomente um “idiota” deve acreditar numa reaproximação entre a presidente Dilma Rousseff e seu vice, Michel Temer, que tiveram uma reunião nesta quarta-feira, afirmou o ex-ministro Ciro Gomes. O PDT, partido ao qual Ciro se filiou na expectativa de ser candidato a presidente da República em 2018, referendará nesta sexta-feira decisão de fechar questão contra o impeachment de Dilma. A presidente fará uma visita à sede do partido, informou “O Globo”.

“Só quem for idiota acredita (numa reaproximação). Isso não quer dizer que a presidente tem de repudiar isso, até porque a política vive desses bailados. O que é importante é não acreditar, porque ele (Temer) está no golpe e é o capitão dele — afirmou o ex-ministro.

Leia mais

Polícia afirma que pastor foi mandante do crime em Vitória da Conquista

FMI estima que economia do Brasil só voltará a crescer em 2018

Militar chama atenção pela semelhança com Leo DiCaprio. Compare!

Distribuindo críticas em várias direções, Ciro voltou a fazer ataques ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirmando que o poder dele foi construído “roubando e distribuindo 80%”. O ex-ministro disse que há uma “fração bandida no PT” e fez ataques ainda a setores do PMDB. Reiterou, porém, haver bons quadros nos dois partidos.

Acompanhado pelo presidente do PDT, Carlos Lupi, o ex-ministro concedeu entrevista para falar do evento em que receberão Dilma. Os dois fizeram diversas críticas à política econômica do governo, mas afirmaram que essas críticas não serão feitas na frente da presidente nesta sexta-feira porque seria “deselegante”. Segundo Lupi, Dilma fará uma visita e participará de uma homenagem ao ex-governador Leonel Brizola. A presidente foi filiada ao PDT antes de ir para o PT.

Notícias ao Minuto

Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar