BrasilGeral

Sepultado corpo de pastor que havia dito que ressuscitaria 3 dias após sua morte

Um pastor que havia dito em 2008 que ressuscitaria no terceiro dia após sua morte foi enterrado na última segunda-feira, 25 de outubro, três dias depois de falecer.

Huber Carlos Rodrigues morreu na última sexta-feira, 22 de outubro, na cidade de Goiatuba (GO), por complicações da covid-19.

A funerária responsável pelos procedimentos de preparação do corpo foi informada pela família sobre a particularidade e decidiu esperar o prazo.

Às 23h30 do terceiro dia desde a morte do pastor, a funerária conferiu o corpo e informou a família que daria prosseguimento ao sepultamento.

Uma multidão aguardava do lado de fora das instalações da empresa para conferir se o pastor ressuscitaria, e até um canal de TV local acompanhou o carro fúnebre.

Muitas pessoas foram ao cemitério onde ocorreu o enterro para aguardar a chegada do carro fúnebre, e na hora que os operários desceram o caixão à cova, houve gritos exigindo que ele fosse aberto antes, mas o sepultamento foi levado adiante.

A “promessa” de ressuscitar no terceiro dia havia sido feita pelo pastor em 2008, quando ele escreveu e assinou uma carta em que dizia ter ter sido “revelado pelo Espírito Santo” que ele ressuscitaria.

O pastor havia sido internado com covid-19 em agosto deste ano e morreu no dia 22 de outubro após ter tido uma melhora que o proporcionou sair do quarto de UTI para um leito comum, mas houve piora do quadro geral e ele não resistiu às complicações.

Gospel mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo