CidadesGeralPolítica

Senadores pedem cassação de mandato do senador Flávio Bolsonaro

Senadores da Rede, do PT e do PSOL protocolaram nesta quarta-feira (19) o pedido de cassação do mandato do senador Flávio Bolsonaro (sem partido-RJ). O pedido se baseia nas denúncias de lavagem de dinheiro, corrupção e associação com milícia.

O presidente do Conselho de Ética, senador Jayme Campos (DEM-MT), que recebeu o pedido, tem cinco dias úteis para decidir se aceita ou não. O democrata também pode solicitar parecer à Advocacia Geral do Senado, segundo as regras previstas no Regimento Interno da Casa.

“Não fazemos uma representação de bom grado. Fazemos porque é imperiosa, porque os fatos são gravíssimos. Não podemos admitir. É incompatível com o exercício do mandato parlamentar os crimes aqui assinalados”, declarou o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), líder da Minoria.

A assessoria do senador Flávio Bolsoanro disse que ele já se manifestou contrário ao pedido em suas redes sociais. Do que foi observado pela redação do bahia.ba, o senador compartilhou em seu perfil no Instagram uma publicação na qual diz: “Essa representação dos defensores de bandido condenado em 2ª instância (PT/pÇoU/REDE) não serve nem para limpar o furo (sic)”.

Já em sua página do Twitter uma publicação do deputado Carlos Jordy (PSL-RJ), na qual diz ser uma “medida sensacionalista só para ter matéria de jornal”. “Ainda que fosse verdade essa relação, se fosse por isso, os deputados do PSOL deveriam ser cassados por sua íntima relação com o tráfico”, escreveu.

Bahia.ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar