Cotidiano

“Se tiver que sair alguém preso, não será eu”, diz Pazuello sobre CPI da Covid

O ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello tem dito a interlocutores que “se tiver que sair alguém preso, não será eu”, sobre possíveis desdobramentos da CPI da Covid instalada no Senado. A informação é da Coluna do Estadão.

“Tudo que pude fazer, eu fiz”, ainda teria dito o ex-ministro, segundo a nota.

Pazuello é um dos principais alvos da CPI, que vai investigar a condução do governo federal na pandemia do coronavírus, mas também repasses federais feitos aos estados e municípios.

Bnews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo