Cotidiano

Salário mínimo deveria ser de R$ 5.315,74, diz Dieese

O estudo mensal divulgado pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) mostra que o salário mínimo em março deveria ser de R$ 5.315,74. O valor corresponde a quase cinco vezes a remuneração básica paga ao trabalhador, que é em 2021 é de R$ 1.100.

O levantamento é feito com base na cesta básica mais cara do país, que, no mês passado, foi a de Florianópolis. O conjunto de alimentos básicos custava R$ 632,75 na capital de Santa Catarina.

A pesquisa leva em conta que o piso salarial deve ser o suficiente para suprir as despesas de um trabalhador e da sua família, composta por dois adultos e duas crianças, com moradia, alimentação, saúde, educação, vestuário, higiene, transporte, lazer e previdência.

Bahia.ba

Um Comentário

  1. Eu não sou nenhum matemático em estatíticas , mais esse pensamento me remete a um barco onde você está remando contra a maré , o problema não está no valor do salário , e sim nos aumentos esdrúxulos que vem sendo aplicados no mercado , segundo desculpas de taxa do dólar , taxa do barril do petróleo , e mais outros contos de vigários . Vamos pensar assim : se a gasolina custasse 1,50 o litro ( nacional ) , o botijão de gás 20,00 , a taxa mínima de energia 40,00 ( usinas nacionais ) , o kg do feijão 3,50 ( nacional ) e assim sucessivamente , o salário seria suficiente ? . Ao contrário das sangue-sugas que depois da barriga cheia se soltam do hospedeiro , as ” nossas ” só soltam depois que o hospedeiro morre ( para de gerar renda pra máquina funcionar ).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo