Sem categoria

Saj: Violência na porta das escolas Rômulo Almeida e Renato Machado aterroriza alunos

Na região das escolas Rômulo Almeida e Renato a queixa de moradores de que elementos estariam atacando alunos na porta da escola, especialmente as meninas, tem causado grande preocupação. Nas queixas que chegam à nossa reportagem, ficamos sabendo que a grande maioria dos infratores que promovem esses atos criminosos são menores de idade, ou seja: não vão responder pelas infrações cometidas.
Geralmente os ataques são feitos a base de canivete ou arma de fogo, muitas vezes em plena luz do dia. Os objetos dos roubos são telefones celulares e outros objetos de valor que são portados pelos alunos.
Pais e mães vivem a ansiedade terrível de enviar seus filhos a essas escolas temendo pela segurança deles. Enquanto isso, os delinquentes, que nã podem ser presos por não terem ainda atingido a maioridade penal, continuam tocando terror e impondo a própria lei nas portas de escolas. O que fazer? Com a palavra, as autoridades.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo