BrasilGeral

Rodrigo Maia oferece ajuda a Lula e confia que pode ajudar a dissolver rejeição ao PT

Recém-expulso do DEM, o deputado federal Rodrigo Maia teve um encontro com o ex-presidente Lula, no gabinete do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM), na última sexta-feira (11), no qual ofereceu ao petista ajuda na sua campanha presidencial em 2022.

Um dos principais articuladores do impeachment de Dilma Roussef em 2016, o ex-presidente da Câmara dos Deputados disse que pode auxiliar na articulação política com setores da sociedade que tem grande resistência ao PT.

O encontro teve a presença ainda da presidente nacional do PT, Glesi Hoffman.

Maia rompeu com o DEM após uma briga pública com o presidente do partido, ACM Neto, que se arrasta desde a última eleição para Câmara, quando o ex-prefeito de Salvador deixou os correligionários livres para decidirem sobre o candidato.

A decisão resultou em uma vitória com margem ampla do candidato ligado ao Palácio do Planalto, Arthur Lira (PP-AL).

A tendência agora é que Maia se filie ao PSD, que recebeu o próprio Paes recentemente. O presidente da sigla, Gilberto Kassab, já reafirmou o desejo de que o líder do Senado, Rodrigo Pacheco, ainda no DEM, saia candidato.

Já Lula prefere que o seu vice tenha um perfil de empresário, como Josué de Alencar, filho de José de Alencar, que foi o seu vice-presidente no passado e faleceu em 2011.

O encontro não foi registrado, de acordo com a colunista Malu Gaspar, do O Globo, e nenhum dos presentes deu qualquer declaração pública sobre a reunião.

Bnews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo