EsportesJustiça

Robinho é condenado na Itália, prisão é uma incógnita

O jogar Robinho foi condenado em última instância na Itália nesta quarta-feira (19, após ser acusado de estupro, a pena é de nove anos de prisão por violência sexual contra um grupo de mulher albanesa. A corte rejeitou o recurso apresentado pelo atacante e seu amigo, Ricardo Falco.

O crime imputado a ele, foi cometido em 2013, numa boate de Milão.

Juristas acreditam que a Itália não pedirá extradição, pois a constituição Brasileira não permite que nascidos no país seja extraditados.

A justiça italiana poderá solicitar que a pena seja cumprida no Brasil e aguardar que o Supremo Tribunal de Justiça (STJ) faça a homologação da sentença, mas não há prazo estabelecido para a Procuradoria-Geral da República estabelecer o tramite do processo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo