Cidades

Renato Janine diz em entrevista que foi surpreendido com demissão do MEC

RENATO JANINEO ex-ministro da Educação (MEC), Renato Janine Ribeiro, disse em entrevista à rádio Band News FM, nesta terça-feira (13), que foi pego de surpresa com demissão do ministério. O filósofo e professor de Ética da USP saiu da pasta há duas semanas, quando a presidente Dilma Rousseff (PT) anunciou a reforma ministerial e Aloísio Mercandante, ex-Casa Civil, como seu substituto.

Ao veículo de comunicação, Janine Ribeiro disse ainda que a crise econômica afetou diretamente sua atuação à frente do MEC e contribui para que o governo não consiga alcançar as metas da pasta. “O que deu errado foi o repasse de recursos do pré-sal. Houve um corte no orçamento da educação e faltou dinheiro.

É um reflexo da crise econômica”, disse. Quanto à crise política, que acompanha as dificuldades no setor orçamentário, o ex-ministro afirmou que o diálogo era quase inexistente com a presidente ou outros colegas de Esplanada, entretanto, existe uma preocupação do governo em relação a um possível impeachment. “Até hoje não vi um projeto alternativo da oposição para lidar com a crise, apesar do momento mais difícil do governo da Dilma, com baixa popularidade. Pessoalmente, não acredito que o impeachment pacifique a situação. Pelo contrário”, especulou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo