NotíciasSaúde

Quem tem bruxismo pode usar lente de contato dentais?

A dentista Priscilla Pocallet pondera que é necessário tratar o transtorno.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS),  cerca de 30% das pessoas no mundo sofrem com bruxismo. No Brasil, este número é ainda maior e pode chegar a 40%.  Este trastorno caracterizado pelo ranger ou apertar dos dentes durante o sono, o que pode ocasionar em desgaste e amolecimento dos dentes.  

Uma pergunta muito comum em consultórios dentários é: quem sofre de bruxismo pode ter lente de contato dentais.

“Sim, desde que o paciente compreenda que tem uma disfunção e a trate. Antes de iniciar o tratamento de lentes, e necessário a conscientização do paciente, sobre a necessidade de usar a placa de mordida”, explica a dentista Priscilla Pocallet.

Segundo a profissional, a placa deve ser sempre de acrílico,que é um material extremamente rígido.

“É incorreto indicar a placa de acetato, a mole. A placa de acetado pode até dar uma sensação de conforto, mas não é um tratamento da disfunção da articulação. Outra alternativa que temos hoje em dia é o uso do botox, que não altera em nada a movimentação do músculos da face, porém precisa ser refeita a cada 6 meses. Em caso mais complexos, existem outros tratamentos disponíveis”, pontua.

Pocallet afirma que nem sempre essa disfunção da ATM ocasiona dor, mas normalmente o paciente acorda com os músculo da face tensionada ou doloridos.

“Além de perceberem estalos no movimento de abertura da boca. Este apedramento a longo prazo pode trazer desgastes de dentes dentes, a um nível que pode até ser necessário um tratamento reabilitador. Quem de fato usa a placa, nunca mais a abandona, pois de fato sente o efeito”, conclui.

A modelo Jenny Miranda, filha da cantora Gretchen, sofre com o bruxismo. Depois de fazer o tratamento com Priscilla Pocallet, ela colocou lentes de contato dentais.

“Eu que achava que era impossível usar lentes de contato por conta do bruxismo, que causava os desgastes dos meus dentes. Já estou há 5 meses com as minhas lentes e feliz da vida.Quanto ao bruxismo , por conta da pandemia, eu estou tratando somente com a placa que foi feita pra mim. Assim que a pandemia acabar, retornarei na Dr Priscilla para darmos continuidade no meu tratamento, mas com o uso da placa, eu já senti que melhorou muito a questão de acordar com o maxilar dolorido de tanto apertar os dentes de noite. Estou muito satisfeita com as lentes e com a questão de bruxismo”, conta Jenny.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS),  cerca de 30% das pessoas no mundo sofrem com bruxismo. No Brasil, este número é ainda maior e pode chegar a 40%.  Este trastorno caracterizado pelo ranger ou apertar dos dentes durante o sono, o que pode ocasionar em desgaste e amolecimento dos dentes.  

Uma pergunta muito comum em consultórios dentários é: quem sofre de bruxismo pode ter lente de contato dentais.

“Sim, desde que o paciente compreenda que tem uma disfunção e a trate. Antes de iniciar o tratamento de lentes, e necessário a conscientização do paciente, sobre a necessidade de usar a placa de mordida”, explica a dentista Priscilla Pocallet.

Segundo a profissional, a placa deve ser sempre de acrílico,que é um material extremamente rígido.

“É incorreto indicar a placa de acetato, a mole. A placa de acetado pode até dar uma sensação de conforto, mas não é um tratamento da disfunção da articulação. Outra alternativa que temos hoje em dia é o uso do botox, que não altera em nada a movimentação do músculos da face, porém precisa ser refeita a cada 6 meses. Em caso mais complexos, existem outros tratamentos disponíveis”, pontua.

Pocallet afirma que nem sempre essa disfunção da ATM ocasiona dor, mas normalmente o paciente acorda com os músculo da face tensionada ou doloridos.

“Além de perceberem estalos no movimento de abertura da boca. Este apedramento a longo prazo pode trazer desgastes de dentes dentes, a um nível que pode até ser necessário um tratamento reabilitador. Quem de fato usa a placa, nunca mais a abandona, pois de fato sente o efeito”, conclui.

A modelo Jenny Miranda, filha da cantora Gretchen, sofre com o bruxismo. Depois de fazer o tratamento com Priscilla Pocallet, ela colocou lentes de contato dentais.

“Eu que achava que era impossível usar lentes de contato por conta do bruxismo, que causava os desgastes dos meus dentes. Já estou há 5 meses com as minhas lentes e feliz da vida.Quanto ao bruxismo , por conta da pandemia, eu estou tratando somente com a placa que foi feita pra mim. Assim que a pandemia acabar, retornarei na Dr Priscilla para darmos continuidade no meu tratamento, mas com o uso da placa, eu já senti que melhorou muito a questão de acordar com o maxilar dolorido de tanto apertar os dentes de noite. Estou muito satisfeita com as lentes e com a questão de bruxismo”, conta Jenny.

creditos vhassessoria

creditos vhassessoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar