CotidianoGeral

Quadrilha explode caixas eletrônicos e destrói agência em Ourolândia

BANCOOUROLANDIATrês caixas eletrônicos do Bradesco de Ourolândia, a 358 km de Salvador, foi explodido na madrugada desta sexta-feira (8). Sete homens encapuzados e armados participaram da ação por volta de 3h30. Eles fugiram em um veículo Fiat Strada e estão sendo procurados pela polícia.

De acordo com o delegado Eduardo Britto, titular do Grupo Avançado de Repressão a Crimes contra Instituições Financeiras (Gracif) de Jacobina, apenas um dos caixas foi arrombado. “Eles tentaram explodir os três caixas, mas obtiveram êxito apenas em um. Foram no mínimo sete homens encapuzados e usando luvas”, diz.

A polícia ainda não sabe a quantia levada pelos assaltantes. O delegado acredita que quatro homens presos no último dia 27 em Jacobina façam parte do grupo que explodiu os caixas em Ourolândia. “Tudo indica que seja uma retaliação porque parte da quadrilha foi presa”, afirma.

A prisão dos quatro suspeitos ocorreu após uma denúncia anônima. Em um Fiat Uno camuflado com galhos de árvores na localidade de Variante, em Várzea Nova, os policiais apreenderam 57 bananas de dinamite.

Rubisval Fonseca Xavier, Sidney Pereira Lima, Ayron Kleber Guedes Monteiro e Cirone Pereira de Lima foram flagrados horas depois em uma rodovia de Jacobina com armas, munição, placas de colete balístico, espoletas para detonação dos explosivos e um ursinho de pelúcia. Os suspeitos permanecem na 16ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Jacobina). (Correio)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo