Sem categoria

Professores recebem Wagner com vaias em Cachoeira

O governador Jaques Wagner foi recebido sob gritos de protesto de professores estaduais, nesta segunda-feira (25), em Cachoeira, no Recôncavo baiano. A sede do governo foi transferida, de forma simbólica, para o município, em homenagem ao início das comemorações das lutas pela independência da Bahia. Os manifestantes, em greve há 75 dias, tacharam o gestor de “traidor”. Além de Wagner, os docentes também fizeram a mesma crítica ao presidente e ao líder do governo da Assembleia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo (PDT) e Zé Neto (PT). De acordo com o A Tarde, Wagner, em coletiva, se disse “chocado” com a “covardia” dos professores. “É fácil dizer que a culpa é do governador, pois o governador representa o poder, mas não sou eu que estou tirando as aulas dos meninos, são os professores. É como usassem os alunos como escudo”, afirmou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo