Cidades

Presidente rompe acordo que garantia exibição de jogos em TV aberta

MARADONA E A TVUm dos mais populares programas dos governos de Néstor e Cristina Kirchner (2003-2015) vai acabar. O “Futebol Para Todos” permitiu ao governo argentino comprar os direitos de exibição dos jogos e garantia que eles fossem transmitidos em TV aberta no país, mas será cancelado. O anúncio foi feito na tarde desta quarta-feira (20).

Durante a campanha eleitoral no ano passado, o programa ganhou destaque nos debates com o candidato kirchnerista Daniel Scioli. Ele afirmava que se o então oposicionista Mauricio Macri vencesse as eleições, seria o fim da gratuidade das partidas.

Macri, que anteriormente já havia se posicionado contra o programa, dizia que a gratuidade seria mantida, mas que haveria publicidade privada. Agora presidente, ele descumpriu o prometido.

Nesta quarta, a Casa Rosada informou que o contrato do programa será rescindido. O governo negociará para que os jogos sejam mantidos em TV aberta até 2019, último ano de Macri na Presidência.

De acordo com o governo, 95% dos times da primeira divisão e vários da segunda divisão queriam romper o contrato. Os clubes pretendem fechar acordos mais vantajosos com canais pagos –a expectativa é obter mais de 3 bilhões de pesos (R$ 650 milhões) por temporada.

Ex-presidente do Boca Juniors, Macri era contra o Estado ter de arcar com esse custo, que estava ao redor de 2 bilhões de pesos (R$ 430 milhões), mas receava perder popularidade com o fim do “Futebol Para Todos”.

O analista político Jorge Giacobbe, porém, diz não acreditar nessa possibilidade. “Vai ficar como sendo um pedido dos clubes.”

O “Futebol Para Todos” vem sendo investigado na Justiça argentina devido à suspeita de repasses de fundos ilegais feitos pelo governo kirchnerista aos clubes, o que levou a suspensão das eleições da diretoria da AFA (Associação de Futebol Argentino) por 90 dias.

Hoje, uma comissão da Fifa atua na AFA para “normalizar” o futebol argentino.

Leia mais

Foto de Marte mosta suposto ‘esqueleto’

Joaquim Alves leva sucesso “Desce da burrinha” para o Legendários na Record

Casais que bebem juntos tendem a permanecer juntos, diz estudo

Andressa Urach perde oito quilos e afirma: ‘Quero vida mais saudável’

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo