Notícias

Presidente do Santos nega ter dito que lesão de Ganso é incurável

O presidente do Santos, Luis Álvaro de Oliveira Ribeiro, se retratou após ter sido divulgada nesta terça-feira (25) uma suposta declaração de sua autoria indicando que a lesão de Ganso é ‘incurável’. Através do site do time da Vila Belmiro, o dirigente rechaçou qualquer acusação do tipo.
– Se não acreditasse na recuperação plena do atleta, em nenhum momento o Santos FC teria tentado renovar seu contrato por mais de três vezes – ressaltou em um trecho da nota.

Em entrevista ao jornal Estado de São Paulo, o mandatário santista teria afirmado que o ex-camisa 10 do Santos encontraria dificuldades para desempenhar seu melhor futebol no São Paulo.
– Vão ter de acompanhar com muito cuidado o jogador. Na minha opinião, o que ele tem é incurável – teria afirmado.
Confira na íntegra a nota oficial emitida por Laor no site do Santos:
“Gostaria de esclarecer de forma veemente que em nenhum momento afirmei que a contusão do atleta Paulo Henrique Ganso é incurável, como repercutiram alguns veículos de imprensa. Faço questão de repelir qualquer declaração neste sentido, pois, inclusive, ela deporia contra os fatos. Se não acreditasse na recuperação plena do atleta, em nenhum momento o Santos FC teria tentado renovar seu contrato por mais de três vezes. Além disso, nosso Departamento Médico, considerado um dos melhores do Brasil, teria nos informado sobre a gravidade da lesão. Desejamos toda a sorte ao atleta em sua carreira, agradecendo pelos serviços prestados enquanto atuou pelo Santos FC. Consideramos sua passagem pelo Clube vitoriosa e sua negociação uma página virada em nossa história.

Luis Alvaro de Oliveira Ribeiro”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo