GeralSlide

Petistas cobram participação no debate interno sobre sucessão na Bahia

CAETANO E GABRIELIO ex-prefeito de Camaçari Luiz Caetano (PT) e o secretário estadual de Planejamento e ex-presidente da Petrobras, José Sérgio Gabrielli (PT), participaram neste sábado (13) de um encontro em Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. Os nomes dos dois petistas estão na lista dos possíveis postulantes do partido à cadeira do governador Jaques Wagner (PT) nas eleições de 2014. Batizado de Encontro do Movimento da Região Metropolitana, o evento poderá esquentar a discussão em torno da sucessão estadual. De acordo com os organizadores, a reunião ganhou tom de debate sobre a participação da militância petista no processo de escolha do substituto de Wagner, que já teria limado Caetano do tabuleiro. “Tem certas coisas que não voltam atrás e um processo de sucessão iniciado é uma delas. Agora, é preciso buscar o diálogo e construir um nome competitivo para garantir a sucessão”, afirmou Caetano. Segundo o coordenador municipal do Movimento PT em Camaçari, Marco Pavan, a ausência do secretário estadual da Casa Civil, Rui Costa (PT), e do senador Walter Pinheiro (PT), outros dois possíveis candidatos a governador, teria sido por conta de compromissos relacionados aos cargos que assumem. “A participação de Caetano e Gabrielli foi um passo que demos rumo à construção do nosso candidato. O PT é um partido democrático, não temos dono e, por isso, esse processo precisa passar pela discussão junto à militância. Vamos ainda buscar a participação de Rui e Pinheiro, pois não podemos deixar de ouvir as propostas e intenções daqueles que foram reconhecidos como possíveis pré-candidatos”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo