Slide

Pessoas com menos dentes vivem menos tempo

consultorio dentarioAs pessoas com problemas cardiovasculares que possuem a dentadura completa correm menos riscos de morte do que aquelas com problemas cardíacos e que possuem menos dentes.

De acordo com um estudo do Hospital Universitário de Uppsala, na Finlândia, a perda de cada dente acentua o risco de morte por qualquer motivo, sendo que as pessoas que perderam todos os dentes e têm problemas de coração são duas vezes mais propensas a morrer.

Para o estudo, segundo informações no site ABC.es, foram analisados os dados de saúde cardíaca e bocal de 15.456 pessoas de 39 países. Os participantes foram divididos tendo em conta o número total de dentes: nenhum, 1 a 14, 15 a 19, 20 a 25 e 26 a 32, sendo que o número máximo e total de dentes numa pessoa é 32.

Nos três anos e sete meses de estudo, os cientistas finlandeses detectaram 705 mortes cardiovasculares e 1.120 mortes por qualquer causa.

E quando relacionaram o número de dentes dos pacientes falecidos, os pesquisadores notaram que: passar de um total de dentes entre os 20 e os 25 para um total de 15 a 19 dentes aumenta o risco de sofrer um acidente cardiovascular em 6%, de morte cardiovascular em 17% e de morte por qualquer causa em 16%.

Quando comparados com os pacientes que mantiveram a dentadura com aqueles que perderam dentes no período de análise, os investigadores concluíram que aqueles que tinham perdido todos os dentes corriam um risco 27% maior de sofrer um episódio cardiovascular, 85% maior de morrer devido a problemas de coração e 81% maior de falecer por qualquer causa.

Notícias ao Minuto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo