GeralPolítica

Pesquisa Séculus/Bahia Notícias: ACM Neto lidera espontânea para 2014 com 23%

ACM NETO - SORRISOEmbora afirme que não será candidato a governador do Estado em 2014, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), lidera a corrida eleitoral para o próximo ano. Segundo o levantamento feito pelo Instituto Séculus, em parceria com o Bahia Notícias, o democrata é o preferido por 23,33% dos entrevistados na pesquisa espontânea – quando não são listados os nomes dos possíveis postulantes. Ele é seguido de Geddel Vieira Lima (PMDB), com 6,11%; Jaques Wagner (PT) – que não pode concorrer a um terceiro mandato –, com 5%; Walter Pinheiro (PT), 4,44%; Lídice da Mata (PSB), 3,89%; Paulo Souto (DEM), Otto Alencar (PSD) e João Henrique (ainda PP), todos com 3,33%; José Ronaldo (DEM), 2,78%; Rui Costa (PT), 2,22%; Marcelo Nilo (PDT), 1,67%; Luiz Caetano (PT), 1,81%, e Antonio Imbassahy (PSDB), 1,61%. Os demais nomes lembrados, juntos, somam 2,66%, enquanto 27,17% ainda não sabem em quem votar e 7,22% não opinaram.

O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), também venceria a eleição para governador em 2014, de acordo com o primeiro e segundo quadros da pesquisa estimulada Séculus/Bahia Notícias – quando são listados os nomes dos prováveis candidatos. No cenário 1, o democrata encabeça o levantamento com 36,43%, seguido de Geddel Vieira Lima (PMDB), com 9,29%; Lídice da Mata (PSB), com 6,43%; Otto Alencar (PSD), 5%; João Henrique (PP), 4,29%; Rui Costa (PT), 3,57%; Marcelo Nilo (PDT), 2,86% e João Gualberto (PSDB), 1,43%. Os nomes foram recusados por 7,14% dos entrevistados, 14,29% seguem indecisos e 9,29% não opinaram.

Já no cenário 2, com a inclusão do senador Walter Pinheiro (PT) em substituição ao também petista Rui Costa, Neto tem pequena queda para 35,71%, mas mantém a frente. Geddel segue em segundo, com 8,57%, seguido de Lídice (5,71%); Pinheiro (5%); Otto (4,29%); João Henrique (4,19%); Nilo (2,14%) e Gualberto (1,43%). Dos consultados, 7,86 não declararam voto em nenhum dos postulantes, 12,86% não sabem e 12,24% não opinaram.

Com a saída do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), o seu correligionário, Paulo Souto, assume a ponta da pesquisa estimulada Séculus/Bahia Notícias – quando são listados os nomes dos prováveis candidatos – para a sucessão estadual em 2014 nos demais quadros avaliados. O ex-governador lidera o cenário 3, com 18,57% das intenções de voto, seguido de perto por Geddel Vieira Lima (PMDB), com 13,57%; Otto Alencar (PSD), 8,57%; João Henrique (PP), 7,86%; Lídice da Mata (PSB), 7,14%; Rui Costa (PT), 4,19%; Marcelo Nilo (PDT), 2,86%, e João Gualberto (PSDB), 1,43%. Os nomes foram recusados por 12,86% dos entrevistados, 12,14% seguem indecisos e 12,24% não opinaram.

Já no cenário 4, também com troca do postulante petista de Rui Costa para Walter Pinheiro, Souto tem pequena alta, para 19,29%. O democrata é seguido por Geddel (14,29%); Pinheiro (9,29%); Otto (8,57%); João Henrique (6,43%); Lídice (4,19%); Nilo (2,86%) e Gualberto (2,14%). Entre os entrevistados, 11,43% não declararam voto em nenhum dos postulantes, 12,14% não sabem e 12,24% não opinaram.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo