Cotidiano

Partidários agridem fotógrafo durante condução coercitiva de Lula

Simpatizante do PT deu murro em fotógrafo.

petista da murro em fotografo
Foto: Reprodução/GloboNews

Um grupo com opositores e partidários brigaram na frente do prédio onde mora o ex-presidente Lula, em São Bernardo do Campo, em São Paulo. O grupo chegou a trocar socos durante a ação da Polícia Federal, que cumpriu mandados de busca, apreensão e condução coercitiva no imóvel.

O mesmo aconteceu há algumas semanas na frente do Fórum da Barra Funda, em São Paulo, quando Lula iria depor e acabou não indo por conta de uma liminar que conseguiu para não prestar o depoimento.

A operação cumpriu mandados na casa do ex-presidente Luiz Inácio da Silva e no Instituto Lula. O ex-presidente foi levado em um carro descaracterizado até o Aeroporto de Congonhas para depor à Polícia Federal.

Além dos endereços de Lula, que fica em São Bernardo do Campo, em São Paulo, outros mandados estão sendo cumpridos pela Polícia Federal desde às 6h, em três estados – incluindo a Bahia. Em Salvador são cinco de mandados de busca e apreensão, além de uma condução coercitiva. Correio24h

Veja também

Lula sabia de propina e mandou pagar a família de Cerveró, diz Delcídio do Amaral

Lula é o mentor do plano de fuga a Cerveró, delata Delcido do Amaral

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo