Esportes

Para Maradona, título na Copa América é obrigação: ‘Se não ganharmos, que nem voltem’

MARADONA - FORMALUm ano depois de ser derrotada na final da Copa América 2015, a seleção argentina tem mais uma chance de quebrar o seu jejum de títulos. Repetindo a decisão contra os chilenos, a seleção bicampeã do mundo tem na Copa América Centenário outra oportunidade de quebrar um tabu indigesto para a albiceleste.

E segundo o ex-atleta Diego Armando Maradona, está é uma obrigação para a atual geração de Messi e companhia.
“Domingo ganharemos, com certeza. E se não ganharmos, que eles não voltem”, afirmou o ídolo argentino em entrevista ao canal C5N, que comemorava os 30 anos dos gols históricos do craque na Copa de 1986.
Sem vencer um título oficial desde 1993, quando conquistou Copa América, a Argentina amarga três vice-campeonatos continentais desde então. Contra o Chile, a seleção de Tata Martino tentará o seu 15º título no torneio.

Leia mais

Temer discute dívida dos estados com governadores nesta segunda

Hidratação caseira com babosa é eficiente e barata; veja como fazer

Genésio sequestra Tancinha no resumo semanal de ‘Haja Coração’

Acusado de matar ‘Carlinha do Laço’ é preso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo