Esportes

Palmeiras sonda situação de Diego Costa

Em busca de reforços para a temporada de 2021, o Palmeiras quis entender a situação contratual de Diego Costa. Os contatos ocorreram nos últimos dias. Porém, a primeira pedida do centroavante assustou: 4 milhões de euros ou R$ 26 milhões por temporada, que equivalem a R$ 2,1 milhões por mês.

Hoje, não existe a menor possibilidade de o Verdão desembolsar tanto por qualquer jogador. Existe preocupação em relação às finanças depois da perda de R$ 180 milhões devido à crise com a pandemia da Covid-19.

Mas o Palmeiras ainda não desistiu de Diego Costa. E a estratégia será usar a paciência, apostando que a falta de opções no mercado estrangeiro faça com que o centroavante de 32 anos de idade reduza sua pedida. Todas as principais janelas da Europa já fecharam. Mais recentemente, Emirados Árabes e Arábia Saudita também proibiram contratações.

Em 26 de fevereiro, será a vez da China fechar suas portas e, na sequência, os Estados Unidos. Não há pressa no Allianz Parque, até porque reforços só poderão ser inscritos a partir do mês que vem, para o Campeonato Paulista e a próxima edição da Libertadores.

Vale lembrar que Diego Costa ganhava 10 milhões de euros por temporada na Espanha, mas optou por rescindir seu contrato em consenso com o Atlético de Madrid seis meses antes do fim. Enquanto não acerta seu novo clube, o ex-atacante da seleção espanhola mantém a forma no Lagarto, time no Espírito Santo que ele administra com seu irmão, Jair Costa.

Recentemente, Diego Costa chegou a negociar com o Atlético-MG, mas as conversas esfriaram após a confirmação da chegada de Hulk.

Jorge Nicola

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo