Cidades

Pai de Santo vai ao Planalto e faz alerta: 'Dilma tem que se proteger do Eduardo Cunha'

PAI DE SANTO - UZEDAUm homem identificado apenas como pai de santo Uzêda se dirigiu, na tarde desta quinta-feira (26), à portaria do Palácio do Planalto, em Brasília, para entregar uma carta e falar com a presidente Dilma Rousseff (PT). Recebido por uma funcionária da Secretaria de Relações Institucionais (SRI), o pai de santo apontou para a Praça dos Três Poderes e disse: “Dilma tem que se proteger. Vim aqui falar isso com ela. Todo mundo aqui faz batuque”. E completou: “A Dilma tem que se proteger do Eduardo Cunha”. O fato foi relatado pelo colunista Lauro Jardim, da revista Veja. Segundo ele, a funcionária da SRI se mostrou surpresa com as declarações do homem, interrompeu a conversa e telefonou para a equipe de segurança do Palácio. Pai Uzêda foi convidado a se retirar do quarto andar, onde fica a SRI, Casa Civil e a Secretária-Geral da Presidência da Republica, por oito seguranças. Um dia antes, o deputado Cabo Daciolo (PSOL-RJ), tentou uma façanha semelhante. O parlamentar se dirigiu ao Palácio do Planalto, sem hora marcada, para apresentar a Dilma uma ideia “para resolver a crise no Fies”, e acabou sendo atendido pela Secretaria de Relações Institucionais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo