Slide

Operadora de caixa é morta a tiros após ter casa invadida

A mãe de Ligiane não consegue entender o que motivou o assassinato da filha.

Uma operadora de caixa foi morta a tiros por dois homens armados na madrugada deste sábado (30) depois de ter sua casa invadida. Ligiane Silva da Cruz, 33 anos, dormia com a filha de apenas 3 anos quando foi surpreendida pelos disparos.

De acordo com a Polícia Militar, uma equipe da 37ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/Liberdade) foi acionada após receber informações de uma vítima de arma de fogo, na Travessa Alvarenga Peixoto, no Curuzu.

Eu escutei um barulho, uma confusão e, logo depois, os disparos. Foram muitos tiros, uns oito, dez, não sei, foram muitos”, conta a mãe, a dona de casa Elizabeth Silva, 53.  As informações são do Correio24h. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo