Geral

Operação da Polícia Civil contra o tráfico de drogas acaba com 25 mortos

Uma operação da Polícia Civil do Rio de Janeiro contra o tráfico de drogas no Jacarezinho, Zona Norte da cidade, causou um intenso tiroteio nesta quinta-feira (6) e deixou pelo menos 25 pessoas mortas.

De acordo com a corporação, as vítimas fatais foram um policial civil e 24 suspeitos. Durante a ação, dois passageiros foram baleados dentro do metrô. 

Rajadas de tiros e explosões de bombas causaram pânico em diferentes pontos da favela. Moradores não conseguiram sair de casa. 

Segundo o G1, a Operação Exceptis investiga o aliciamento de crianças e adolescentes para atividades criminosas, como assassinatos, roubos e sequestros de trens da Supervia. 

O Jacarezinho é considerado uma base do Comando Vermelho, a maior facção do tráfico de drogas que atua no Rio de Janeiro. De acordo com a polícia, os criminosos da região utilizam táticas de guerrilha, com armas pesadas e soldados pesados.

Vítimas

O policial civil morto foi identificado como André Frias. Ele foi baleado na cabeça. O agente trabalhava na Delegacia de Combate às Drogas (Dcod).

Até o momento, há outros dois policiais feridos, um da Dcod e um da Coordenadoria de Operações Especiais (Core). Ainda segundo o G1, não há informações sobre o quadro de saúde deles.

Os dois passageiros feridos dentro de um vagão da Linha 2 do metrô foram atingidos após uma bala perdida estilhaçar uma janela. Também não há informações sobre o quadro de saúde deles. BNews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo