Notícias

‘Onde quer que ele esteja, está tão feliz quanto cada um de nós’, diz ACM Neto ao dedicar vitória ao avô

O prefeito eleito de Salvador pelo DEM, ACM Neto, iniciou seu discurso para os presentes na noite deste domingo (28) com um pedido para que as ruas próximas ao seu comitê central, localizado na Avenida Vasco da Gama, fossem liberadas. “A gente tem que dar exemplo na comemoração da nossa vitória”, solicitou. Em seguida, o democrata foi brevemente interrompido pelo deputado estadual Paulo Azi (DEM), que mencionou a aposta feita com o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo (PDT), sobre o resultado da eleição soteropolitana. “Ontem a noite surgiu uma pesquisa que dizia que o deputado adversário estava na frente. Nós demos 50 mil de frente. Quero dizer que quem ganhou a aposta foi o povo de Salvador”, disse. Azi e Nilo casaram um cheque de R$ 50 mil cada. Após a intervenção do correligionário, Neto iniciou uma série de agradecimentos. O futuro prefeito agradeceu a Deus, aos familiares e todos do seu partido e das legendas que o apoiaram. Ao falar da família, o democrata citou o avô, o ex-senador ACM, falecido em 2007, o que levou os presentes a gritar, em coro: ô, ACM voltou! “Eu não poderia esquecer de alguém que não está aqui entre nós. Eu sei que onde quer que ele esteja, está tão feliz quanto cada um de nós. Eu aprendi com ele a amar a Bahia, lutar pelo nosso posso e dedicar a vida a política”, afirmou. ACM Neto cumprimentou o adversário, o deputado federal Nelson Pelegrino (PT), que chegou a ser vaiado pelos simpatizantes presentes. “Por favor, gente. Nós somos diferentes. Ele (Pelegrino) continua deputado e espero que possa ajudar Salvador e a Bahia”, disse. O deputado aproveitou e falou que “espera ter uma relação harmônica” com o governador Jaques Wagner (PT), a quem disse que irá procurar, e com o governo federal para construir “uma relação de trabalho em parceria construtiva”. O político afirmou ainda que falou por telefone com o vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB), e pediu que “ele seja o advogado e o porta-voz dos interesses de Salvador”. Segundo Neto, o vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa Econômica, Geddel Vieira Lima (PMDB), agendará um encontro com Temer ainda esta semana.

BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar