Cidades

Oito anos depois, bebê fumante da Indonésia finalmente começa a ter vida normal

ARDI RIZALEra 2007 quando o mundo todo ficou chocado com a rotina de Ardi Rizal. Morador da Indonésia, ele era apenas um bebê de dois anos, mas já fumava nada menos do que 40 cigarros por dia. Oito anos depois, sua vida mudou bastante.
De lá para cá, Ardi viveu uma luta intensa para largar o vício pelo cigarro. Sua família garante que em 2010, aos cinco anos, ele parou de fumar. Na época, porém, trocou seus vícios e viveu um novo problema de saúde: a obesidade.
Ao invés de fumar, a criança comia. Sua mãe, culpada pela situação, dava cada vez mais comida para o filho. A batalha contra a obesidade, então, tornou-se tão intensa quanto a contra o tabagismo. E, aos poucos, Ardi começa a vencer.
Veja mais
Mãe deixa filha sozinha para ir fazer sexo durante nove horas e criança morre
Lula diz que Dilma não é “responsável” por crise
ARDI RIZAL 2Depois de chegar em um grau de obesidade extremamente preocupante — tanto quanto seu nível de tabagismo —, o menino foi submetido a acompanhamento psicológico. Oito anos depois de fazer ficar famoso de maneira negativa, começa a ser uma criança comum pela primeira vez.
Ardi agora tem uma rotina que condiz mais com sua idade, com idas à escola, refeições balanceadas e, principalmente, longe da nicotina. Os médicos garantem que, se seguir a rotina, ele conseguirá ter uma vida adulta regular.
Veja como ele está agora:
ARDI RIZAL 3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo