Slide

Número de plásticas no Brasil cai 10%, mas país permanece em 2º lugar no ranking mundial

CIRURGIA PLASTICA 2O Brasil alcançou, em 2013, o primeiro lugar do ranking dos países que mais realizam cirurgias plásticas, mas acabou perdendo a posição nos anos seguintes. De acordo com pesquisa da Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética (Isaps), os brasileiros realizaram 1,22 milhão de procedimentos em 2015 – quase 120 mil operações a menos que em 2014, que já havia caído em mais de 230 mil procedimentos em relação ao ano anterior.

Apesar disso, o Brasil continua em segundo lugar no ranking, perdendo apenas para os Estados Unidos, que registraram, em 2015, 1,41 milhão de cirurgias.

Para o vice-presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), Dênis Calazans, a redução na busca por procedimentos estéticos foi notado claramente pelos médicos e acredita que um dos motivos para isso é a crise econômica. “O Brasil atravessou nos últimos dois anos uma crise financeira sem precedentes com impacto em todas as áreas e serviços.

A cirurgia plástica não foge a esse tipo de reação do mercado”, disse ele ao Bem Estar, da Tv Globo. A cirurgia plástica mais popular entre os brasileiro no último ano foi a lipoaspiração, seguindo a tendência dos últimos anos, e logo depois aparecem o implante de silicone nas mamas e da cirurgia da pálpebra.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo