Polícia

Nordeste de Amaralina é cercado após policial ser baleado; há reféns e bandido morto

Um policial militar do Patrulhamento Tático Móvel (Patamo), unidade que integra o Batalhão de Choque, foi baleado, na manhã deste domingo (02), no bairro Nordeste de Amaralina, em Salvador. A ocorrência foi por volta das 10h45, na localidade conhecida como Sucupira.

As equipes da PM realizavam uma investida contra o tráfico de drogas quando foram atacadas por integrantes da facção Comando Vermelho (CV). Houve troca de tiros e de acordo com a fonte do Informe Baiano, o trabalhador foi ferido duas vezes na perna.

O policial foi socorrido por colegas para o Hospital Geral do Estado (HGE) e não há informações sobre o seu estado de saúde. Guarnições da Rondesp, 40a CIPM, Operação Apolo, Patamo e Operação Gêmeos cercaram todo Complexo do Nordeste de Amaralina, inclusive o Boqueirão, onde fica o Quartel General da facção.

Informações preliminares de fontes do IB apontam que um criminoso conhecido como “Camaleão” foi ferido e não resistiu. Além disso, dois bandidos invadiram uma residência e fizeram reféns. Não há detalhes ainda sobre a situação.

Ontem de noite, em Fazenda Grande do Retiro, traficantes metralharam uma viatura da PM que também realizada uma ação de rotina. Houve confronto e um dos envolvidos foi morto.

Na semana que passou, um caso chocante no bairro foi denunciado pelo IB e virou notícia nacional. Traficantes torturaram e mataram dois homens suspeitos de furto que teriam sido entregues ao CV por um gerente do supermercado Atakarejo. Informe Baiano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo