Mutuípe

Mutuípe: Empresa faz planejamento errado e árvores centenárias são sacrificadas

Em matéria de preservação ambiental, Mutuípe realmente está na contra mão do tempo.

Um exemplo disso foi dado pela empresa contratada para fazer as obras de revitalização urbanística e cultural da praça Góes Calmon, que diante da falta de planejamento foi obrigada a derrubar árvores centenárias que se encontravam no local.

Vale lembrar que na terça – feira (21), uma árvore centenária, caiu sobre carros e casas.

Com o desmanche da praça e a retirada da terra que sustenta a base das árvores, elas ficaram com a estrutura abalada, o que causou o acidente.

No domingo (26), as outras árvores tiveram que ser sacrificada, para que as mesmas não caíssem, provocando outros acidentes.

O poder público por sua vez, não da nenhuma justificativa a sociedade em relação à irresponsabilidade da empresa, a câmara de vereadores continua inerte quando o assunto é resolver os problemas da cidade.

Confira o antes e o depois através das fotos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo