Cotidiano

Mulher usava pênis falso e vendas para fingir que era homem e ter relações com amiga

Uma mulher foi considerada culpada por enganar uma amiga e manter relações sexuais com ela fingindo ser um homem. Gayle Newland, de 27 anos, foi inicialmente condenada por três acusações de agressão sexual no tribunal de Chester, na Inglaterra.

Sua condenação foi anulada no tribunal de recurso em outubro passado, após a crítica do resumo do juiz e ela foi liberada da prisão até um novo julgamento.

Ela foi condenada há 8 anos de prisão.

adesiva para enganar a mulher para ter sexo.

Durante um ano, o par trocou mensagens e fotos on-line, e falou regularmente por horas no telefone, mas não se encontrou.

Quando os encontros aconteceram sempre foi com os olhos vendados.

Ao ouvir que foi condenada, a mulher que fingia ser homem chorou.

Aratuonline

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo