Bahia

MP investiga prefeito por crime denunciado via aplicativo de celular em Riacho de Santana

riacho-santana-alan-vieira-14Uma denúncia recebida através do aplicativo Pardal motivou uma apuração do Ministério Público Estadual (MP-BA) contra o atual prefeito de Riacho de Santana, Alan Vieira (PSD). A suspeita é de que o gestor, que concorre à reeleição, teria cometido abuso do poder econômico por distribuir gasolina para “motoqueiros” que participaram de uma carreata do candidato. No procedimento administrativo será ouvido também o proprietário de um posto de combustível, entre outras pessoas com participação no suposto delito eleitoral. Brumado Notícias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo