Cidades

Morte de irmãos em Ondina completa dois anos e mãe desabafa

IRMAOS - ONDINAA enfermeira Marinúbia Gomes Barbosa, mãe dos irmãos Emanuel e Emanuelle Gomes Dias, desabafou neste domingo (11) sobre a morte dos jovens, em Ondina, que completa hoje dois anos. Em uma publicação feita na comunidade “Justiça – Emanuel e Emanuele”, do Facebook, Marinúbia lamentou e disse que sente saudade dos “dois tesouros”.
“O coração esta tão apertadinho. Que Deus proteja os dois com muita luz!! E quanto a mim, que o senhor me carregue no seu colo como tem feito, que me console, enquanto aguardo dias de sol. Meus Agradecimentos pelo carinho, a todos vocês, amigos e família”, escreveu.
A médica oftalmologista, Kátia Vargas, acusada de atropelar e matar os irmãos, responde ao processo em liberdade. E em uma outra publicação feita pela mãe de Emanuel e Emanuelle, em setembro deste ano, ela afirma que ainda não foi marcada a data do julgamento. “Justiça brasileira sempre lenta, quanto tempo uma mãe ficara sem ver a justiça ser feita”, afirmou.
Ainda em agosto, cerca de 50 pessoas, entre amigos e familiares, participaram de uma manifestação para cobrar agilidade da Justiça, no julgamento da médica.
Metro1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo