Geral

Morre engenheiro de som baleado durante assalto em ponto de ônibus

Morre engenheiro de som baleado durante assalto em ponto deMorreu, por volta das 15h30 desta segunda-feira (5), o engenheiro de som José Fernando Álvares Gundlach, 62 anos, baleado no rosto durante um assalto na tarde de domingo (4), em um ponto de ônibus localizado na Rua Silveira Martins, no Saboeiro.

A informação foi confirmada pela assessoria do Hospital Roberto Santos e por uma amiga da família, a funcionária pública Alessandra Pamponet, que tem acompanhado familiares do engenheiro. O corpo do engenheiro já foi encaminhado para o Instituto Médico Legal Nina Rodrigues (IML).

Gundlach estava internado em estado gravíssimo desde a tarde deste domingo (4) no Hospital Roberto Santos, para onde foi levado após ser baleado.

Ele chegou a ser submetido a uma cirurgia e foi encaminhado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI), mas não resistiu ao ferimento. Ainda não há informações sobre horário e local do sepultamento.

Veja também

 

 

O engenheiro de som estava em um ponto de ônibus na Rua Silveira Martins, por volta das 13h, quando foi abordado por três homens armados. Segundo informações da polícia, Gundlach foi baleado após reagir ao assalto.

A informação, no entanto, é questionada pelos amigos, que afirmam que ele teria entregado o celular sem reagir. Ainda segundo amigos da vítima, um outro casal que estava no ponto também teria sido assaltado. A Polícia Civil, no entanto, informou que nenhum casal buscou a delegacia da área para registrar a ocorrência.

O caso está sendo investigado pela titular da Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), delegada Francineide Moura. A 11ª Delegacia (Tancredo Neves) também está colaborando com as investigações. Um familiar de Gundlach foi ouvido pela polícia na manhã de hoje. A polícia busca imagens de circuitos de segurança de estabelecimentos próximos do local do crime para tentar identificar os suspeitos. Correio

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo