Cotidiano

Moradores são impedidos de entrar na Câmara de Vereadores

Diversos moradores e representantes de movimentos sociais estão, na noite desta quinta-feira (7), na porta da Câmara de Vereadores de Tucano (BA). Eles foram impedidos pelo presidente da Casa, Ronaldo Moura Dantas, de entrar na sessão. A pauta principal era a votação do projeto de plano de salários dos agentes de combate às endemias e agentes comunitários de saúde.

A polícia foi chamada para impedir um possível tumulto ou invasão. Vereadores criticaram a medida tomada pelo presidente e solicitaram que a Câmara fosse aberta para todos os cidadãos tucanenses, já que é “a casa do povo”. Após os protestos, a entrada de algumas pessoas foi liberada. Mesmo assim, o verador João Marcos Cavalcante disse que irá judicializar a situação desta quinta-feira, a fim de que o presidente da Câmara não mais impeça a entrada de manifestantes.

Participaram do ato representantes da Central das Associações Comunitárias de Tucano, Movimento Mobiliza Tucano e Movimento Pastoral da Terra. Eles estavam na Câmara para relembrar um protesto, ocorrido em 2018, contra a venda de patrimônio do município. Na oportunidade, os manifestantes chegaram a ser agredidos e receberam spray de pimenta no rosto.

Bnews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo