Cotidiano

Mesa Diretora da Câmara aprova projeto que pode salvar Eduardo Cunha de cassação

AppleMark
AppleMark

Um projeto de resolução apresentado pela Mesa Diretora da Câmara nesta terça-feira (29), pode ajudar o presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), a escapar do processo de cassação.

Assinado pelo próprio parlamentar, o texto propõe que todas as comissões da Câmara, incluindo o Conselho de Ética, tenham a sua composição alterada para obedecer a proporcionalidade das bancadas partidárias, que mudou em razão da janela partidária.

Leia mais

Polícia aponta lista com cinco suspeitos na morte de Beatriz

Mulheres de Santa Inês são presas acusadas de furtos em Jaguaquara

Temer é o “próximo alvo” caso Dilma caia, diz líder do governo

O projeto ainda precisa passar pelo plenário da Casa. Estimativas apontam que pelo menos três deputados contra Cunha teriam que deixar o Conselho de Ética: José Carlos Araújo (PR-BA), Fausto Pinato (PP-SP) e o relator do caso de Cunha no conselho, Marcos Rogério (DEM-RO).

Além disso, o PMDB ganharia uma vaga, enquanto o PT perderia uma. A comissão que analisa o pedido de cassação do presidente da Casa tem 21 integrantes. O prosseguimento do processo foi aprovado no início do mês por apenas um voto. Ao longo da janela partidária, pelo menos 88 parlamentares trocaram de sigla.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo