Cidades

Médica que mandou cortar pênis do ex-noivo voltará para a cadeia com gêmeos

MYRIAM PRISCILA REZENDEApós ter alta hospitalar, a médica Myriam Priscilla Rezende de Castro, que mandou cortar o pênis do ex-noivo, voltará para a prisão com os filhos gêmeos. Ela deu à luz aos bebês na última quarta-feira (4) na Maternidade Otaviano Neves, em Belo Horizonte, e permanece internada sem previsão de alta. Já as crianças estão em observação na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) Neonatal pois nasceram prematuros. Segundo a Seds (Secretaria de Estado de Defesa Social), a médica continua internada na unidade de saúde sob escolta policial e, assim que tiver alta, será encaminhada, juntamente com as crianças, ao Centro de Referência à Gestante Privada de Liberdade em Vespasiano, na região metropolitana da capital. Ela deve permanecer com os filhos na unidade até que eles completem um ano de idade. A mulher está internada na Maternidade Otaviano Neves desde o dia 28 de janeiro, quando teria passado mal durante o trabalho e não retornou à prisão. Ela chegou a ser considerada foragida da Justiça pela Seds, mas o advogado Giovanni Caruso Toledo garantiu que o órgão foi comunicado da internação da paciente e das condições de risco de sua gravidez. Miryam cumpre pena desde o dia 2 de abril do ano passado. Ela foi presa no interior de São Paulo, onde trabalhava normalmente em um hospital. Pelo crime de lesão corporal grave, Myriam foi condenada a seis anos de prisão, mas negou participação no crime, que teria sido cometido por vingança: ela diz que foi agredida pelo ex-noivo durante uma gestação até perder o bebê.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo