Cidades

Líder do PSD nega insatisfação com Rui: ‘Foi uma pequena agitação pontual’

ROGÉRIO ANDRADEO líder do PSD na Assembleia Legislativa (AL-BA), Rogério Andrade, negou que o partido esteja insatisfeito com a gestão política do governador Rui Costa, como apontou a coluna Tempo Presente desta sexta-feira (1°). O parlamentar afirmou que o que houve foi uma “pequena agitação pontual”, gerada pela demora de definição de critérios que determinaria a distribuição de vagas do terceiro escalão do governo. “Eu creio que o sentimento é que o governo demorou pra tratar dessas questões, talvez por isso tenha gerado essas insatisfações. Talvez seja um parlamentar, de oito. Mas o governador já começou a resolver isso e tenho certeza de que será solucionado”, explicou. Segundo Andrade, o PSD participou de uma reunião com Rui Costa há cerca de dez dias, quando trataram sobre esse tema. “O partido reconhece o esforço que o governador tem feito, independente de espaço ou de cargo. Por isso, nesta mesma reunião, nós declaramos apoio incondicional ao seu governo. Ele não poderia estar fazendo mais do que tem feito”, reforçou. O líder do partido afirma que é “óbvia” a vontade de participar do governo, mas diz que o contexto atual é diferente do último governo, de Jaques Wagner. “Obviamente que o partido gostaria de ter cargos, mas o cenário de hoje é totalmente diferente do que era há quatro anos. A configuração das forças políticas de hoje é diferente de quatro anos atrás, por isso é justo que a composição do governo também modifique. O que a gente defende é que haja uma re-arrumação nesses espaços. Houve uma renovação de 33% da Casa e é justo que quem chegue queira participar. Dentro do PSD, não existe esse sentimento [de insatisfação]”, concluiu.
BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo