EntretenimentoGeral

Justiça obriga Igor Kannário a cumprir contrato com empresários

IGOR KANARIO 2O Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA) expediu, nesta segunda-feira (28), decisão que obriga o cantor Igor Kannário, vocalista da banda A Bronkka, a cumprir o contrato assinado com a Showmix Produções e Eventos, segundo o qual ele deve manter sua carreira intermediada pela empresa até setembro de 2014. A determinação é uma resposta a uma ação impetrada pela produtora exigindo que o artista cumpra o contrato até o fim da sua vigência legal. A decisão é de segunda instância e foi determinada pela desembargadora Maria da Graça Osório Pimentel. Em dezembro de 2012, devido a supostos desentendimentos com o seu empresário Beto Bonfim, Igor anunciou que iria sair do grupo A Bronkka e seguir carreira solo. Ainda no mesmo mês, o artista iniciou o seu novo projeto, intitulado “Príncipe do Ghetto”, com dois shows seguidos, um realizado no município de Eunápolis, no sul da Bahia, e outro na cidade de Itabuna, no sudeste do estado. Ambos foram feitos de forma independente. A empresa alega que Igor Kannário está se utilizando da fama e contatos adquiridos através dos esforços dos seus agenciadores para seguir uma carreira solo durante o período de validade do contrato. A sentença estabelece que o artista deve honrar integralmente as suas obrigações para com a produtora, sob pena de multa de R$ 5 mil diários e proíbe que o cantor faça apresentações ou qualquer uso comercial do nome Igor Kannário, individualmente ou relacionado à banda A Bronkka, fora do intermédio da Showmix durante o período em que estiver ligado a companhia. Caso o cantor desobedeça essa medida será multado em R$ 25 mil por cada infração. Além disso, Kanário tem 48 horas para ressarcir a produtora em R$ 50 mil referentes as apresentações de Eunápolis e Itabuna (R$ 25 mil por cada apresentação). De acordo com Edson Nuno Alvares Pereira Filho, advogado da Showmix Produções, a empresa deu a Igor Kannário várias oportunidades de negociação que não foram bem aproveitadas pelo artista. Segundo ele, a única exigência do seu cliente é o cumprimento do que foi acordado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo