Cotidiano

Júri declara ex-policial culpado pela morte de George Floyd

Por unanimidade, como determina a legislação dos Estados Unidos, s 12 jurados decidiram nesta terça-feira (20) que o ex-policial Derek Chauvin é culpado pela morte de George Floyd. Negro, ele foi asfixiado em maio de 2020, em Mineápolis, durante uma imobilização em que o então policial (branco) pressionou o pescoço da vítima, que avisou que não conseguia respirar. As informações são do G1

Chauvin, que se recusou a depor no tribunal, foi condenado nas três acusações de homicídio que respondia: homicídio culposo, negligência ao assumir o risco consciente de causar a morte de Floyd e causar a morte, sem intenção, através de um ato perigoso, sem consideração pela vida humana. A sentença ainda será anunciada.

A morte de George Floyd desencadeou o movimento mundial denominado em inglês Black Lifes Matter (vidas negras importam). “Talvez a gente esteja no epicentro da mudança”, disse nesta terça-feira, a jornalistas, Courtney Ross, namorada de Floyd que acompanhou o julgamento em uma praça.

Bahia.ba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo