Cidades

Juíza nega pedido de Gleisi Hoffmann para atuar como advogada de Lula

A juíza Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal de Curitiba, que vetou a entrevista do site O Antagonista a Lula, negou também o pedido da deputada e presidente do PT, Gleisi Hoffmann, para atuar como advogada de defesa do ex-presidente.

De acordo com a coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S. Paulo, a concessão que não foi atendida permitiria que a parlamentar pudesse visitar Lula diariamente na superintendência da Polícia Federal (PF), na capital paranaense, onde ele está preso desde abril de 2018.

Ainda segundo a coluna, a juíza determinou também que a PF entregue uma lista de todas as pessoas que já visitaram o ex-presidente.

BN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo