Cotidiano

Juíza acolhe denúncia e dá 48h para AGU se manifestar sobre Lula

Posse do ex-presidente contestada.

acaoA juíza da 22ª Vara Federal do Distrito Federal, Ivani Silva da Luz, acolheu na manhã desta quinta-feira (17) denúncia do movimento Pátria Brasil contra o Governo Federal em relação à posse de Luiz Inácio Lula da Silva como ministro-chefe da Casa Civil.
No despacho, a magistrada informa que tem competência para julgar o caso e dá 48 horas para o Governo – no caso, a Advocacia Geral da União – se manifestar sobre a nomeação de Lula para o cargo. Depois desse prazo, ela dará a sentença, em primeiro grau, mantendo Lula no cargo ou decidindo por seu afastamento.
O movimento Pátria Brasil questionou ontem, em ação popular protocolada na Vara Federal do DF, a nomeação de Lula. Apontou “Desvio de finalidade, obstrução da Justiça e improbidade administrativa”. A ação é capitaneada pelo advogado Paulo Fernando Melo, um dos fundadores do grupo, em parceria com outros advogados. Uol.
Veja também
Wagner disse que Delcídio foi ‘escroto’ e que sabia que fariam ‘putaria’ com Lula
Pedido de prisão de Lula já estava em andamento, diz colunista
Lula diz que bancada do PT tem que colocar medo em Moro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo