Cotidiano

Jovem que matou ex no ato sexual fará exame de sanidade mental

VANIA BASILIO E EX NAMORADOA Defensoria Pública do estado de Rondônia solicitaou um exame de sanidade mental a Vania Basílio Rocha, suspeita de ter matado o ex-namorado durante o ato sexual. A jovem, de 19 anos, foi presa em flagrante e confessou ter matado Marcos Catanio Porto. Ao portal G1, ela contou: “Queria matar alguém. Fiquei olhando olho no olho até ele morrer”.

Leia mais

Morador de rua interrompe gravações de novela para contar sua história para Felipe Simas

Velenciano vence batalha e segue em time de Ivete no ‘The Voice Kids’

O pedido para o laudo de sanidade mental foi acatado pelo judiciário na semana passada, que determinou que o estado o faça em um prazo de 45 dias.

Com o resultado do laudo será possível saber se Vania é inimputável – termo usado para pessoas que não tem capacidade para responder pelos atos. Caso o laudo seja negativo, provavelmente ela irá ser pronunciada e julgada pelo Tribunal do Júri. Se o laudo der positivo para insanidade, provavelmente ela não será pronunciada, e não será submetida a uma pena privativa de liberdade e sim a uma medida de segurança, que é procedimento curativo. Ela vai ser tratada por ter uma doença.

Leia mais

Colisão entre carretas interdita BR-116 por 03 horas em Milagres

Educadora dá curso em Brasília para ensinar técnica de sexo oral a homens

Segundo laudo do Instituto Médico Legal, Marcos levou 11 facadas (no pescoço, abdômen, braços, mão e pernas). A perfuração no pescoço foi o que motivou a morte do rapaz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo