BrasilGeral

Jovem mente que estuda em Oxford para receber dinheiro da mãe; golpe durou 5 anos

Uma jovem de 25 anos foi descoberta após aplicar um golpe que durou cinco anos na própria mãe. Quando completou 20 anos, a turca Merve Bozkurt contou à mãe que havia conseguido uma vaga para estudar medicina na Universidade de Oxford, na Inglaterra. Logo após a suposta mudança de país, a mulher pediu ajuda para a mãe, Gulresen, para cobrir os gastos.

A mulher, que trabalhava vendendo flores em um cemitério no interior da Turquia, acatou o pedido da filha e fez esforços para enviar o dinheiro para Merve, que contava do sonho de ser neurocirurgiã e frequentemente mandava fotos vestindo um jaleco. Apesar da história contada para Gulresen, a filha dela não havia nem deixado o país e vivia em Istambul, onde atua como corretora imobiliária.

O golpe foi descoberto cinco anos após ter sido iniciado, depois que uma TV local fez uma reportagem com a mulher que conseguia ajudar financeiramente a filha trabalhando como vendedora de flores. Com a repercussão da história, a família recebeu ofertas de doações e até a promessa de uma bolsa de estudos para cobrir os custos de Merve quando ela chegasse ao quinto ano da universidade.

Contudo, a apuração da reportagem descobriu que a jovem nunca havia se matriculado na Universidade de Oxford. Após pressão, ela confessou o golpe.

“Eu me sinto muito mal porque aborreci minha mãe. Eu inventei uma história. Fiz com que todos acreditassem nessa história, inclusive eu. No entanto, na verdade eu estava trabalhando em um escritório de uma imobiliária em Istambul o tempo todo”, afirmou a turca, de acordo com o The Sun.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo