Cidades

Joaquim Barbosa ironiza Vaccari Neto: ‘Calar-se é direito assegurado pela Constituição’

JOAQUIM BARBOSAO ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, voltou a utilizar o próprio perfil no Twitter para falar sobre a CPI da Petrobras. Nesta quinta-feira (9), o jurista aposentado questionou a necessidade de uma autorização do STF para que o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, permanecesse calado na sessão da CPI da Petrobras. “Vaccari: calar-se quando indagado sobre fatos que podem incriminá-lo é direito assegurado pela Constituição”, afirmou Barbosa. O petista divulgou que permaneceria em silêncio durante o depoimento após Habeas Corpus da Corte Suprema, que assegurava também o direito de não jurar falar a verdade na comissão.
JOAQUIM BARBOSA - TWITER

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo