BrasilGeral

Itapemirim vai devolver aeronaves aos EUA, confirma Anac

A Itapemirim Transportes Aéreos (ITA) vai enviar duas aeronaves para os Estados Unidos no dia 17 de janeiro. São elas as PS-SFC e PS-ITA, ambas de propriedade da DCAL 2 Leasing Limited. Empresas de leasing teriam pedido três aeronaves de volta.

De acordo com documento da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), o motivo dos voos é “translado para uma base onde a aeronave será armazenada” no Tucson International Airport, localizado no estado do Arizona.

A solicitação de autorização especial de voo internacional não trata nem de manutenção das aeronaves no exterior e, tampouco, sobre o retorno dessas aeronaves ao Brasil.

Logo após o cancelamento dos voos da Itapemirim e da suspensão do certificado de operador aéreo da empresa, fontes do mercado de aviação civil afirmaram que os lessors, empresas proprietárias das aeronaves usadas pela Itapemirim, haviam pedido a devolução dos aviões.

A assessoria de imprensa da Itapemirim Transportes Aéreos, porém, nega que o pagamento do leasing dos aviões esteja atrasado e  afirma que o motivo do envio das aeronaves seria a realização da manutenção no exterior porque a TAP Maintenance & Engineering, no Brasil, estaria encerrando suas atividades e não teria como fazer o serviço. Eles negam que as aeronaves estejam sendo devolvidas ao locador.

O certificado de operador aéreo da Itapemirim Transportes Aéreos foi suspenso pela Anac no dia 17 de dezembro, mesmo dia em que a empresa suspendeu todos os seus voos. A empresa está proibida de comercializar passagens desde o dia 8 de janeiro.

Bahia.ba

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo