Política

Indiciamento não vai afetar ações de Bolsonaro como cabo eleitoral; afirma Valdemar Costa Neto

Valdemar Costa Neto, líder máximo do Partido Liberal, declarou que a investigação de Jair Bolsonaro no caso das joias não terá impacto nas atividades do ex-presidente como apoiador nas eleições municipais de 2024.

O presidente do partido definiu como “bobagem” a ideia de que o caso de indiciamento possa reduzir o potencial de transferência de voto de Bolsonaro. “Zero. Só bobagem”, afirmou Valdemar para a CNN Brasil.

No decorrer do CPAC Brasil, encontro que reuniu variados políticos e personalidades conservadoras neste último fim de semana, Bolsonaro discursou em público pela primeira vez desde que foi indiciado mais uma vez pela Polícia Federal. O ex-presidente reprochou a atuação da imprensa e se dispôs a participar de uma entrevista detalhada para esclarecer quaisquer questionamentos que surjam.

A equipe responsável pelo CPAC Brasil precisou elaborar um plano complexo para evitar qualquer chance de encontro entre Bolsonaro e Valdemar em Santa Catarina. Importante mencionar que os dois estão proibidos de se comunicar, de acordo com a determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios