Cotidiano

Idoso é morto carbonizado após cobrar dívida de R$ 6 mil; Suspeitos foram presos

givanildo-e-jorgeGivanildo Conceição dos Santos e Jorge de Jesus Oliveira foram presos em flagrante após o assassinato do agricultor Carlos Florentino Delmontes, de 74 anos.

O caso aconteceu no município de Canavieiras, a 550 km de Salvador. Segundo a Polícia Civil, a motivação do crime foi uma dívida que um dos suspeitos tinha com a vítima.

O delegado responsável pelas investigações, Miguel Cicerelli, detalhou que os criminosos foram presos na última quinta-feira (13/10) na cidade de Santa Luzia após operação conjunta dos agentes de duas Delegacias Territoriais. Foram os próprios suspeitos que indicaram para a polícia o local onde estava o corpo do agricultor.

Ainda segundo o delegado, Givanildo trabalhava na propriedade rural da vítima e tomou do patrão R$ 6 mil emprestado. Diante da demora em quitar a dívida, Carlos passou a cobrar Givanildo.

O homem não gostou da perseguição, arquitetou o assassinato do agricultor e chamou Jorge para ajudá-lo. No domingo (9/10), a dupla levou a vítima até um local sem movimento e, depois de roubar o celular e outros pertences, a mataram a pauladas.

Em seguida, cobriram o corpo do idoso com pedaços madeira, jogaram gasolina e atearam fogo. Givanildo e Jorge foram autuados pelos crimes de latrocínio e ocultação de cadáver.

Aratu

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo