Cidades

IBGE: Um em cada cinco brasileiros não usa cinto no banco da frente

HOMEM - SEM CINTO DE SEGURANCAA Pesquisa Nacional de Saúde, realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e divulgada nesta terça-feira (2), mostra que mais de 20% dos brasileiros não usam o cinto de segurança quando estão no banco da frente de carros, vans e táxis. Ainda segundo a consulta, 79,4% da população afirmam sempre usar o equipamento no banco da frente dos veículos. A região Sudeste registrou o maior percentual de pessoas que afirmam usar o equipamento de segurança: 86,5%; seguida pela Região Sul, com 86,2%. Na região Nordeste, o índice cai para 66%. O grupo mais jovem da pesquisa, de 18 a 29 anos, é o que menos usa cinto no banco de trás, com 40,3%. Na faixa etária de 30 a 39 anos, o índice sobe para 49,8%; entre 40 e 59 anos, alcança a 54,3%. Maiores de 60 anos lideram o uso de cinto no banco de trás, com 57,8%. Segundo a pesquisa, 54,9% da população que se declara branca usa o cinto de segurança no banco de trás, taxa quase 10 pontos percentuais a mais que os pretos (45,8%) e pardos (45,9%). A escolaridade também influenciou no resultado: entre pessoas com ensino superior completo, o percentual alcançou 55,6%, enquanto, para quem tinha até o ensino médio completo, as respostas afirmativas chegaram a 47,7%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo