Cotidiano

Hospital será obrigado a ter médico exclusivo para pacientes covid-19 em cada plantão

OHospital Geral de Aurelino Leal, no sul baiano, deverá disponibilizar um médico a cada plantão para atender exclusivamente casos suspeitos e confirmados de covid-19. O Ministério Público estadual acionou o governo baiano e a prefeitura para que adotem a medida em caráter de urgência. O objetivo de garantir o atendimento adequado desses pacientes.

Segundo o promotor de Justiça Allan Santos Góis, O pedido levou em conta deficiências na estrutura do hospital detectadas em investigação do MP, que “comprometeriam diretamente a segurança de pacientes suspeitos ou diagnosticados com o novo coronavírus, bem como da equipe médica”.

A promotoria pede ainda que sejam realizadas na unidade hospitalar melhorias na lavanderia, aquisição de mais equipamentos de proteção individual para os funcionários, armazenamento e descarte adequado do lixo hospitalar, bem como a realização periódica de testes rápidos em toda equipe do hospital para a detecção do coronavírus.

A ação levou em conta dados da própria Prefeitura de Aurelino Leal, que registrou, no dia 14 de julho, 186 casos confirmados de Covid-19. Um dos casos é o da ex-diretora do Hospital Geral de Aurelino Leal, que morreu vítima da doença.

Bnews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo