CotidianoNotícias

Homem é encontrado vivo após cair em esgoto e ficar desaparecido por oito dias em Salvador

4hntorrxjd_53r5nnsj4h_fileUm carpinteiro que estava desaparecido há oito dias foi encontrado com vida, dentro da estação de tratamento de esgoto da Embasa (Empresa Baiana de Água e Saneamento), localizada no bairro do Rio Vermelho, em Salvador. De acordo com informações da vítima, ele teria ficado perambulando pelas galerias subterrâneas, sem comer e sem beber, após cair em um buraco.
Leia mais notícias no Mídia Bahia
Genivaldo da Silva Souza, 43 anos, está internado no HGE (Hospital Geral do Estado) e, de acordo com os irmãos dele, o diagnóstico dado pelos médicos diz que a vítima contraiu uma grave infecção, depois de ter sido contaminada com água de esgoto, além  de correr o risco de ter os dois pés amputados.
José Souza chegou a fazer um apelo no programa Balanço Geral, em busca do irmão.
Veja também
Sexo feminino tem ‘mais tendência para a bissexualidade’
Dilma admite que demorou a perceber tamanho da crise: ‘A partir de hoje, ninguém sabe’
Miss Bumbum Bahia revela que não malha e não faz dieta

— Na segunda-feira (17), pela manhã, ele não compareceu ao trabalho e a empresa ligou para minha casa procurando por ele.
A família chegou procurar pelo homem no IML (Instituto Médico Legal), em delegacias e hospitais da capital.
Genivaldo foi encontrado no domingo (23) pela manhã, dentro da estação de esgoto, agarrado em uma grade de uma das galerias. Em de nota, a Embasa disse que o homem foi encontrado por uma funcionária que ouviu os gritos de socorro.
A vítima caiu em um buraco na noite de sábado (15), após ter saído do trabalho. Genivaldo disse à família que o acidente foi no trecho entre a estação de transbordo e a rodoviária de Salvador, a cerca de três quilômetros de onde foi resgatado.
Durante os oito dias que o carpinteiro ficou no esgoto, ele informou que ficou no escuro, sem se alimentar e nem beber água, exposto a ratos, baratas e lixo. R7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo