Política

Governo Bolsonaro recusou vacina da Pfizer a 50% do valor pago por EUA e Europa

O governo federal recusou vacinas da Pfizer no ano passado que custavam metade do valor pago por Estados Unidos, Reino Unido e União Europeia.

Em agosto de 2020, o então ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, considerou os imunizantes caros. Até 70 milhões de doses da vacina poderiam ter sido entregue a partir de dezembro, por US$ 10 cada. As informações são da Folha de S. Paulo.

Nos Estados Unidos e Reino Unido cerca de 40% da população já foi imunizada com duas doses das vacinas. Os dois países pagaram US$ 20 pelas doses da Pfizer, o dobro do valor recusado pelo Brasil.

As primeiras doses da Pfizer só chegaram ao Brasil em abril, oito meses depois da primeira oferta feita pela farmacêutica. Fonte: Bahia Notícia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo